Dica Esporte Colider : Cuide de sua saúde, faça atividades fisicas!!!

Futebol: Orione deixa o cargo após 30 anos

segunda-feira, dezembro 10, 2012


Carlos Orione, presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com)10/12/2012 08h00 - Atualizado em 10/12/2012 08h00

Às vésperas da Copa em MT, Orione anuncia saída do comando da FMF

Presidente da Federação Matogrossense de Futebol não pretende concorrer a mais um mandato no comando da entidade. Confira entrevista.

Por Robson Boamorte Cuiabá

Carlos Orione afirma que não vai concorrer à reeleição na FMF (Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com)
Ele está no poder desde 1977. São 30 anos no comando da Federação Matogrossense de Futebol (FMF), já que teve um hiato de seis licenciado. Uma hora tudo chega ao fim. E este fim está próximo.
Com mandato até 26/05/2013, o presidente Carlos Orione deve sair de cena. Ele diz que não pretende continuar na entidade que comanda o futebol mato-grossense. Falta motivação, segundo suas palavras. São muitas críticas, desorganização dos clubes e pouca paciência para continuar como presidente da FMF.
Conhecido como Barão, Carlos Orione confirmou ao GLOBOESPORTE.COM que não irá concorrer a mais um mandato. Não deve indicar um sucessor. E não deve ainda ser o número do 1 do escritório da FIFA em Cuiabá, que são abertos em todas as cidades que vão sediar jogos da Copa em 2014.
Estou desmotivado, cansado. É hora de sair. Para continuar, eu preciso querer. E não quero mais"
Carlos Orione
Presidente da FMF
Amigo pessoal de Ricardo Teixeira, ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Orione goza de muito prestígio no mundo do futebol brasileiro. Tem bom contato ainda com Joseph Blatter, presidente da FIFA.
Seu maior legado ao futebol mato-grossense? Trazer a Copa do Mundo para o estado. Seu maior erro ou defeito? Nenhum, segundo suas palavras. - Só fiz o bem – afirmou.
Confira abaixo os principais trechos da entrevista com o presidente da FMF, Carlos Orione.
GLOBOESPORTE.COM – Presidente, qual seria sua posição hoje quanto à reeleição?
Carlos Orione – Meu mandato acaba em maio de 2013. Não quero continuar, não é o meu propósito. Desejo que seja meu último mandato. Estou desmotivado, cansado. É hora de sair. Para continuar, eu preciso querer. E não quero mais.
Carlos Orione, presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com) Carlos Orione preside a FMF desde 1977
(Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com)
GLOBOESPORTE.COM - Essa é sua posição hoje. O que te faria mudar de ideia?
Carlos Orione - Somente se a FIFA quiser. Se for uma imposição. Caso contrário não serei mais o presidente da FMF a partir de maio. Tenho muito bom relacionamento com eles e só assim para eu ficar. Um pedido deles me faria mudar a posição.
GLOBOESPORTE.COM - Se esse pedido não vier...
Carlos Orione - Não fico. Dei minha contribuição para o futebol local. Se hoje o Campeonato Mato-grossense é mais bem visto por todos, esse responsável sou eu. Fui atrás de transmissões da televisão, acordos de patrocínios com uma grande multinacional. Ajudei muito os clubes, mas isso eles não falam. Praticamente todos os clubes devem para a FMF.
GLOBOESPORTE.COM - Quanto seria esse valor?
Carlos Orione - Cerca de R$ 200 mil.
GLOBOESPORTE.COM - O senhor confirma que o Estadual 2013 teve seus naming rights vendidos para uma grande multinacional?
Carlos Orione - Sim, já está tudo assinado. Eles irão cuidar de tudo que se fala em divulgação e busca por receitas. Os clubes terão uma participação nesse lucro. Nos próximos dois anos o Estadual será realizado em parceria com essa empresa. O torneio vai melhorar e muito. Só falta os dirigentes se organizarem mais.
GLOBOESPORTE.COM - Ao que o senhor define essa indefinição dos clubes quanto à participação ou não no Estadual 2013?
Trouxe a Copa do Mundo para Cuiabá. Isso ninguém me tira."
Carlos Orione
Presidente da FMF
Carlos Orione - Falta de capacidade de gestão. Os dirigentes são despreparados, ingênuos. Precisam trabalhar mais, se preparar mais. Eu fiz muitos cursos para chegar onde estou, em várias áreas. Eles estão muito acomodados, querendo que tudo caia do céu. A FMF não vai se envolver com os clubes. Brigamos por eles quando é preciso, mas não podemos pegar na mão para atravessar a rua. Tenho vários problemas da FMF para resolver. Dos 10 clubes que disputam a Primeira Divisão, quantos você acha que são organizados? É o mínimo. O resto fica sempre na mesma. Não gostaria que estivesse assim. Queria sair com todos bem estruturados.
GLOBOESPORTE.COM - Qual sua principal virtude ao longo desses 30 anos no comando?
Carlos Orione - Trouxe a Copa do Mundo para Cuiabá. Isso ninguém me tira. Daqui 50 anos as pessoas irão saber que fui eu o responsável por isso. Nosso estado está se transformando, basta sair nas ruas para ver. Muitos estados tentaram, mas foi o nosso que venceu.
GLOBOESPORTE.COM - Mas e para o futebol em si?
Carlos Orione - Organizei o Estadual, que hoje tem uma forma sólida e só cresce. Falta os clubes fazerem o mesmo. Buscar investimentos, como eu fiz. Em 2014 teremos um dos estádios mais modernos do mundo. Espero que isso sirva de motivação para as equipes.
GLOBOESPORTE.COM - E o seu principal erro?
Carlos Orione - Nenhum. Só fiz coisa boa. Ajudei muito os clubes. Tivemos bons momentos nas décadas de 70 e 80. Depois as equipes foram se perdendo.
GLOBOESPORTE.COM - O senhor sempre teve um bom relacionamento com o ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira. Agora que ele saiu, como é sua relação com José Maria Marin?
Carlos Orione - Até melhor. O Marin é meu amigo de muitos anos. Essa minha amizade com eles foi fundamental para que a Copa do Mundo viesse para nossa cidade. Com o Joseph Blatter também [presidente da FIFA]. Na década de 80, participamos de um congresso juntos e nos tornamos próximos.
Carlos Orione, presidente da Federação Mato-grossense de Futebol (Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com)Orione diz que sai da FMF e que não vai indicar sucessor
(Foto: Robson Boamorte/GloboEsporte.com)
GLOBOESPORTE.COM - O deputado Romário está articulando a abertura de uma CPI contra a CBF. O que o senhor acha disso?
Carlos Orione - Acho ótimo. Assim acabam os boatos sobre a entidade. Podem fazer. Não irão achar nada de errado. A CBF é um dos órgãos mais fiscalizados.
GLOBOESPORTE.COM - A FIFA irá abrir um escritório em Cuiabá para comandar as ações durante os jogos. O nome do senhor sempre foi o favorito para assumir o cargo. Agora que pretende sair de cena, como ficaria isso?
Carlos Orione - Só um pedido deles me fará mudar de ideia. Eles me ajudaram muito durante a escolha de Cuiabá como sede da Copa. Mas não pretendo assumir a pasta. É muita responsabilidade. São 120 itens para serem observados antes de um jogo. Conforme já citei, só assim para eu continuar trabalhando.
GLOBOESPORTE.COM - O senhor já é aposentado, mas continua como presidente da entidade. O que te faz trabalhar ainda?
Carlos Orione - É um hobby. Gosto de futebol e acho que entendo um pouquinho para ajudar o esporte. Sou aposentado público e não preciso disso para viver. Nunca precisei. Faço por prazer.
GLOBOESPORTE.COM - Os clubes de futebol irão criar a Afamut (Associação Matogrossense dos Clubes de Futebol Profissional). Eles pedem mais transparência da FMF, quando se fala em contas e os contratos firmados. O que o senhor achou disso?
Carlos Orione - Tudo o que for para o bem do futebol é interessante e válido. Mas se estão fazendo isso somente para criticar, não aprovo. Se eles querem mais transparência, que venham aqui que eu mostro tudo. Não tenho o que esconder, mas também não faço questão de falar. Posso mostrar o que eles quiserem, mas dependendo dos termos. A maioria dos contratos, como o dessa multinacional, é registrado em cartório. É documento público, para todos verem. Eles [os clubes] ainda não me procuraram.
GLOBOESPORTE.COM - Qual o senhor acha que é a intenção deles?
Carlos Orione - É aparecer na mídia. Não vejo nenhum dirigente com capacidade para assumir a FMF. Aqui é preciso aguentar a pressão.
GLOBOESPORTE.COM - O senhor pretende indicar algum nome para sua sucessão?
Carlos Orione - Não. Por enquanto, não. Quem sabe mais pra frente, mas no momento essa possibilidade está descartada.
Share this Article on :

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SUA MENSAGEM!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Campeonatos

Braileiro Série-A Braileiro Série-B Copa Sul-americana Eliminatórias Copa 2014 Outras tabelas Motor
Fórmula 1Fórmula IndyStock Car São Silvestre

Sites Esportivos:

 

© Copyright ESPORTE COLIDER 2010 -2011 | Design by Bruno Alencar | Published by 99674376 | Powered by Blogger.com.